Charles Edward Hallé - Imperatriz Josephine de Beauharnais, Pintura em Miniatura sobre Marfim

Código: GXNUD67Q7
R$ 3.450,00
até 3x de R$ 1.150,00 sem juros
Comprar Disponibilidade: Imediata Aproveite! Resta apenas 1 unidade
    • 1x de R$ 3.450,00 sem juros
    • 2x de R$ 1.725,00 sem juros
    • 3x de R$ 1.150,00 sem juros
    • 4x de R$ 924,37
    • 5x de R$ 752,03
    • 6x de R$ 635,38
    • 7x de R$ 551,24
    • 8x de R$ 485,06
    • 9x de R$ 434,05
    • 10x de R$ 395,41
    • 11x de R$ 363,83
    • 12x de R$ 337,55
  • R$ 3.450,00 Boleto Bancário
    • 1x de R$ 3.450,00 sem juros
    • 2x de R$ 1.725,00 sem juros
    • 3x de R$ 1.150,00 sem juros
    • 4x de R$ 927,92
    • 5x de R$ 753,10
    • 6x de R$ 636,65
    • 7x de R$ 553,53
    • 8x de R$ 491,26
    • 9x de R$ 442,89
    • 10x de R$ 404,23
    • 11x de R$ 372,66
    • 12x de R$ 346,38
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

A OBRA

Assinada por Charles Edward Hallé , essa delicada pintura em miniatura sobre lâmina de marfim do final do século XIX retratando a Imperatriz Josephine de Beauharnais, esposa de Napoleão Bonaparte, personagem feminina do império francês.
A pintura é valorizada e protegida por vidro bombe com moldura em bronze de excelente fundição, ornamentada com motivos botânicos e cantoneiras em formato de flores de Liz. Apresenta vestígios de douração. O verso é de cartão recoberto com veludo cristal verde já esmaecido.

MEDIDAS: 14 x 10 cm

O ARTISTA

Charles Edward Hallé (1846-1914) | Pintor de gênero
Por Zana Bihiku Tutt'Art Movimentos e Estilos Artísticos Arte do século XIX , Arte do século XX , Arte britânica

Charles Edward Hallé, às vezes dado como Edward Charles Hallé, foi um pintor inglês e gerente de galeria.
Ele era um pintor de cenas históricas, cenas de gênero e retratos.
Hallé era filho de Sir Charles Hallé, pianista e maestro de orquestra nascido na Alemanha, que emigrou para a Inglaterra durante a revolução de 1848. Sua irmã mais nova era a escultora e inventora Elinor Hallé CBE.

Seus primeiros professores foram Richard Doyle e Carlo Marochetti quando entrou na Escola da Royal Academy em Londres.
Aos dezessete anos viajou para a França e trabalhou com Victor Mottez, aluno de Ingres. Da França viajou para a Itália. Ele foi atraído pela tradição do neoclassicismo encontrada em Roma.
Após seu retorno a Londres, ele exibiu quatro pinturas na Royal Academy em Londres em 1866, e depois partiu para Veneza. Ele estudou as técnicas dos mestres venezianos e tentou pintar no estilo deles.
Ele então retornou à Inglaterra e se estabeleceu permanentemente em Londres. Em 1877 com J. Comyns Carr, ele ajudou Lord Coutts Lindsay na criação da Galeria Grosvenor.
Em 1888, com Burne-Jones, fundou a New Gallery em Regent Street. Expôs com frequência nestas duas galerias. Suas obras foram exibidas no museu em Sheffield.

Pré-rafaelitas
Apesar de ter nascido apenas dois anos antes da fundação da Irmandade Pré-Rafaelita, estilisticamente Hallé alinhava-se firmemente com a estética daquele grupo.
Charles Hallé é mencionado com muito carinho por Isadora Duncan em seu livro intitulado " Minha Vida ' publicado em 1927, ano de sua morte.
Ela descreve as atividades que ela e Charles desfrutaram juntos em Paris, longas caminhadas, viagens ao campo, perambular pelas galerias e jantar. Ela disse: " Dancei para ele na floresta e ele fez esboços de mim ".

Sobre Josephine de Beauharnais

Josefina de Beauharnais (em francês: Marie-Josèphe-Rose de Tascher de La Pagerie; Les Trois-Îlets, 23 de junho de 1763 – Rueil-Malmaison, 29 de maio de 1814) foi Imperatriz da França de 1804 a 1810 e Rainha da Itália de 1805 a 1809, como primeira mulher de Napoleão Bonaparte, sendo, portanto, a mulher mais influente da França durante o Primeiro Império Francês.

Com a idade de quinze anos, foi para a França para casar com o Visconde de Beauharnais. Após ter dois filhos com Josefina, Alexandre foi guilhotinado em consequência dos anos de Terror, em meio a Revolução Francesa.

No ano de 1796, viúva e com dois filhos voltou a casar, dessa vez com o general Napoleão Bonaparte, que mais tarde viria a se tornar o primeiro Imperador dos Franceses. É sabido que Napoleão gostava muito dos seus filhos, ao ponto de os adotar oficialmente como seus, não permitindo que os chamassem de adotivos. Tornou-se Imperatriz dos Franceses, quando Napoleão se auto coroou na Catedral de Notre-Dame de Paris, que fora o local para executar essa cerimônia, ocasião em que retirou a coroa das mãos do Papa Pio VII, colocando ele mesmo a coroa na cabeça. Imediatamente depois, o próprio imperador coroou a sua esposa.

Hortênsia de Beauharnais, filha de Josefina se casou com Luís Bonaparte, irmão de Napoleão e Rei da Holanda (posição que conseguiu graças a Napoleão, tal como sua patente no exército anos antes). Hortênsia era contra o casamento, e só aceitou sob influência de Josefina, que temia um desentendimento familiar.

Em 1809, o imperador decidiu divorciar-se dela — Josefina teria ficado estéril, não podendo dar à França um herdeiro —, ocasião em que a imperatriz se retirou para o seu lugar preferido, o Castelo de Malmaison. Relatos históricos comprovam que Napoleão desconfiava que sua esposa o traia. Ainda que mandasse cartas desesperadas, sabedor da volúpia de Josefina, a perdoou até descobrir a infertilidade da esposa, Josefina faleceu no ano de 1814 aos 51 anos.


 

INFORMAÇÕES IMPORTANTES

CERTIFICADO DE BOA ORIGEM

Para garantir a qualidade e procedência de nossos produtos, os mesmos são adquiridos em galerias, leilões de arte e acervos de colecionadores de nossa inteira confiança. Por isso, todos os nossos produtos são acompanhados por um Certificado de Boa Origem emitido pela galeria Lenach.

Observação: Por se tratar de artes e antiguidades provenientes de leilões, galerias de arte ou coleções particulares, os produtos comercializados pela Lenach são usados e vendidos NE - NO ESTADO. A Lenach se compromete a fornecer informações completas (descrição e imagens), retratando inclusive possíveis imperfeições presentes nas peças. Contudo, poderá haver pequena divergência quanto a cor (principalmente por conta do monitor em que se visualiza a imagem), tamanho e espessura, por exemplo. 

COMPRANDO MAIS DE UMA PEÇA

Quando houver interesse em mais de uma peça e elas tiverem medidas e pesos muito diversos (por exemplo: uma escultura de bronze de 5 kg e um quadro), por questão de segurança recomendamos fortemente que sejam adquiridos individualmente (em compras separadas), sendo embalados e enviados separadamente com uma cobrança de de frete para cada um. 

Em caso de dúvida, não hesite em nos contatar!


 

Veja alguns comentários de clientes sobre suas experiências de compra em nosso eshop no Mercado Livre!

"o atendimento foi ótimo. recomendo o vendedor." PAULOHENRIQUEBSANTNGELOBO - 29/04/21

"Excelente vendedor. Envio no prazo. Embalado adequadamente. Negociação tranquila. SUPER RECOMENDADO A TDS DO ML." MFELIPPO - 17/04/21

"Atendeu rapidamente, entregou muito bem embalado com uma mensagem muito elegante. Um ótimo produto. Gostei." JUGIDAN - 08/04/21

"Como sempre muito prestativa, não foi a primeira compra e recomendo a todos. Muito Obrigado." GILSONZKINA - 11/03/21

"Ótimo vendedor. Super prestativo e atencioso. Recomendo!" CAMIMAREGA - 11/02/21

"A vendedora foi muito atenciosa e amavel ! desde o proncipio da negociaçao, o produto esta perfeito como conversado e anunciado, recomendo ela!!" MAAN7340203 - 23/01/21

R$ 3.450,00
até 3x de R$ 1.150,00 sem juros
Comprar Disponibilidade: Imediata Aproveite! Resta apenas 1 unidade
Sobre a loja

Quadros, pinturas, esculturas, gravuras, fotografias e objetos de design e decoração, antigos e contemporâneos, assinados por artistas do Brasil e do exterior.

Pague com
  • Mercado Pago
  • Mercado Pago
  • PagSeguro
Selos

Lenach - CNPJ: 17.368.712/0001-60 © Todos os direitos reservados. 2022


Para continuar, informe seu e-mail